asdasdasdasd

Aero Cruz analisa denúncia de Gaturiano contra secretário: 'Não precisava levar para o Plenário'

por Simone Marques 9 de Fevereiro de 2018 às 10:46

Tem problema que é melhor resolver internamente. É o que acredita o vereador Aero Cruz sobre o desentendimento entre parlamentares de base do governo e o secretário de Desenvolvimento Econômico e Agrário de Petrolina, Zé Batista da Gama. “Não precisava trazer o problema para o plenário. Dava para sentar com o secretário e conversar, mas quem manda é o secretário. Não precisava chegar a esse ponto até porque fazemos parte desse grupo”, disse à redação do Nossa Voz.

Para o vereador, toda a confusão não passou de um desentendimento e que deve ser resolvido em breve com a intervenção do executivo. “Acredito que quando Miguel Coelho voltar de viagem vai dialogar com o grupo. Temos que ajustar porque com esses desentendimentos quem perde é a população”, disse. O Prefeito de Petrolina está em uma viagem na Alemanha conhecendo projetos de fruticultura que possam ser implantadas no município.

Questionado sobre o pedido de exoneração de Zé Batista da Gama do cargo de secretário, Aero Cruz afirmou que o grupo não se reuniu com o executivo para tal objetivo. “Eu acredito que é um mal entendido porque os vereadores foram lá para falar de um projeto e eu estava presente. Nada que se refira a “pedir cabeça” de secretário”, explicou. Para o vereador, as divergências dentro do grupo do Prefeito Miguel Coelho são reflexos da ausência de comunicação. “Com relação às divergências, falta diálogo. Tem que [vereador] andar na secretaria, sim. Tem que pedir, mas não pode querer ser prioridade”, alfinetou sobre os colegas que afirmaram não andar no gabinete de Zé Batista.