asdasdasdasd

Após vazamento de áudio: Oposição entra com ação no MP para investigar denúncia de favorecimento político no Nova Semente

por Redação Nossa Voz 27 de Fevereiro de 2019 às 07:11

Depois da vazamento do áudio, onde supostamente do vereador Elias Jardim (PHS) admite que indicou profissionais para o programa Nova Semente e demitiu uma funcionária porque ela não era agradecida a ele pelo cargo que tinha, na sessão de terça-feira (26), o vereador Paulo Valgueiro (MDB), líder da oposição da Câmara, disse que a bancada oposicionista entrou com uma ação no MInitério Público para que seja investigado favorecimento político no programa. "Já fiz uma representação junto ao Tribunal de Contas, junto ao Ministério Público pra que seja feita uma investigação", afirmou.

Inclusive a denuncia levanta dúvidas no certame realizado pelo poder público municipal no último domingo (24). " Como é que esse pessoal tava fazendo a prova. com que cabeça a pessoa tava lá fazendo a prova e pensado: será que esse cargo que eu tô disputando aqui já tem um dono indicado por um vereador?", questionou Paulo Valgueiro. 

Sobre o aúdio

No áudio, supostamente extraído de uma conversa de WhatsApp do vereador Elias Jardim, fala-se sobre os motivos do desligamento de uma funcionária do programa Nova Semente. “(...) Não caiu de paraquedas, ela precisa entender que deve ser agradecida, e não me dá nem um bom dia, nunca veio em meio gabinete agradecer...”.

Em outro trecho, o aúdio fala de satisfação. “(...) A questão é política, não vou sustentar ninguém de graça. (...) Eu trocando para colocar pessoas de confiança. A gente não vai ficar com esse tipo de gente. Eu não tenho nada com esse povo não, por isso é que está saindo...”.

Foto: Divulgação