| Última edição: 22/12/20 - 14:44

Home Notícias Coronavírus Moderna tem esperança de entregar vacina contra Covid-19 antes do Natal

Moderna tem esperança de entregar vacina contra Covid-19 antes do Natal

Compartilhe:

A esperança de uma primeira rodada de vacinação contra a covid-19 antes do fim de 2020 foi reforçada pelo laboratório norte-americano Moderna, que solicitou na segunda-feira uma autorização emergencial da sua vacina nos Estados Unidos e na Europa.

A Moderna informou que os resultados completos confirmaram uma eficácia elevada da vacina, estimada em 94,1%.

Foto: Joe Saget/AFP

A empresa se uniu desta maneira à americana Pfizer e sua parceira alemão, BioNTech, que na semana passada solicitou uma aprovação semelhante para sua vacina e prevê a luz verde nos Estados Unidos para a partir de 10 de dezembro.

Se o FDA, agência de controle de alimentos e medicamentos dos EUA, confirmar que o produto da Moderna é seguro e eficaz, a primeira das duas doses da vacina poderia ser administrada a milhões de americanos em meados de dezembro.

“Acreditamos que nossa vacina proporcionará uma nova e poderosa ferramenta que pode mudar o curso desta pandemia”, afirmou o CEO da Moderna, Stephane Bancel.

O produto da Moderna está sendo estudado em um ensaio clínico com mais de 30 mil participantes nos Estados Unidos.

A expectativa da empresa é ter cerca de 20 milhões de doses da vacina, chamada de mRNA-1273, disponíveis nos EUA até o final do ano. E em 2021, espera fabricar entre 500 milhões e 1 bilhão de doses em nível global.

Mas, para ter sucesso, as vacinas terão que superar a desinformação e a desconfiança, alertou o presidente da Federação Internacional da Cruz Vermelha, Francesco Rocca, nesta segunda.

“De acordo com um estudo recente da Universidade Johns Hopkins em 67 países, a aceitação de uma vacina diminuiu significativamente na maioria dos países entre julho e outubro”, disse Rocca.(Fonte:Folha de PE)