| Última edição: 22/12/20 - 14:42

Home Notícias Coronavírus Morre o ex-deputado federal Carlos Eduardo Cadoca, aos 80 anos

Morre o ex-deputado federal Carlos Eduardo Cadoca, aos 80 anos

Compartilhe:

Morreu neste domingo (13) o ex-deputado federal Carlos Eduardo Cadoca, aos 80 anos. Há mais de um mês ele estava internado no Hospital Português do Recife com Covid-19. A morte foi confirmada pela esposa dele, Berenice Andrade Lima, em uma rede social.

Instagram/ reprodução

“Ele resistiu bravamente. Foi um forte guerreiro, tipico de alguém que ama a vida, mas essa doença e terrível, misteriosa e, infelizmente, foi mais forte”, escreveu ela.

Cadoca será cremado em uma cerimônia para a família às 11h.

O político foi deputado federal por cinco mandatos e ocupou outros cargos públicos, além de ter sido vereador do Recife e deputado estadual.

Confira a nota oficial:

“É com imenso pesar e profunda tristeza que informamos que o ex-secretário e ex-deputado federal Carlos Eduardo Cadoca faleceu, na madrugada deste domingo, no Hospital Português, vítima de complicações provocadas pela Covid-19.

Cadoca, 80 anos, foi um guerreiro, resistiu muito, mas, lamentavelmente, perdeu a luta contra essa doença terrível e que já vitimou tantas pessoas no Brasil e no mundo.
Cadoca testou positivo para a Covid-19 no dia 29 de outubro e, já no dia 03 de novembro, foi internado com problemas respiratórios.

O ex-deputado passou um longo período de reclusão total na fase mais critica da pandemia, mas, com a reabertura das atividades, voltou a frequentar o escritório politico, em Santo Amaro. Ele foi um dos coordenadores da campanha à reeleição do vereador Samuel Salazar (MDB), que também foi contaminado no mesmo período, mas se recuperou e passa bem.

A esposa de Cadoca, Berenice de Andrade Lima, em nome da família, agradece a todos que fizeram uma intensa corrente positiva e se uniram em orações pela recuperação de Cadoca. Berenice lembra que essa rede de carinho foi importantíssima, proporcionou muito conforto e boas vibrações ao longo desses dias tensos, difíceis e massacrantes.

A Covid-19 segue latente, como um imenso desafio para as autoridades e para a sociedade. Enquanto a vacina não chegar, garantindo uma cobertura universal, Berenice faz um alerta para que todos redobrem os cuidados. “É fundamental que cada um assuma uma parcela de responsabilidade para se proteger, proteger o próximo e, assim, evitar que outras famílias não passem pela mesma dor e sofrimento que estamos passando agora”.
Cadoca, recifense do Arruda, deixa quatro filhos, uma neta e uma legião de amigos, além de um relevante legado na vida pública. Cadoca foi três vezes vereador do Recife, uma das quais assumiu a presidência da Câmara, teve um mandato de deputado estadual e outros cinco mandatos consecutivos como deputado federal. Foi secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Esportes da Prefeitura do Recife (com Jarbas Vasconcelos e Roberto Magalhães) e no Estado, na primeira gestão do Governo Jarbas Vasconcelos. Disputou duas vezes a Prefeitura do Recife, em 2004 e em 2008.

Em 2018, anunciou que não iria disputar à reeleição a Câmara dos Deputados, mas seguiria na atividade politica. Atualmente estava filiado ao Partido Solidariedade.

Executivo

Cadoca teve ampla experiência no Executivo. Foi secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Esportes da Prefeitura do Recife no segundo mandato Jarbas Vasconcelos. Continuou no cargo em 1997, na gestão de Roberto Magalhães.
Foi Secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Esportes de Pernambuco na primeira gestão Jarbas Vasconcelos como governador de Estado.

Cadoca comandou projetos importantes e estruturadores, como a ampliação do Porto de Suape, a estadualização do Porto do Recife, além da política de captação de investimentos e novos negócios para Pernambuco.

Na gestão dele, foi criada a Fenearte, maior feira de Artesanato da América Latina.
No Turismo, criou o Recifolia (Prefeitura), impulsionou a revitalização do Bairro do Recife e o Dançando na Rua.

Já no Governo do Estado, emplacou mais projetos que movimentaram a economia do interior do estado e geraram emprego e renda: Circuito do Frio, Pernambuco das Paixões e muitos outros.

No comando do Carnaval, como secretário, deixou marcas importantes como o Galo Gigante na Ponte, a reoordenação do Carnaval do Centro da Cidade, do Carnaval do Recife Antigo e abriu espaço para tradições na rota do interior: Papangus de Bezerros, Caboclinhos de Goiana, Maracatu de Nazaré da Mata, Carnaval de Vitória, Caretas, de Triunfo e os Caiporas, de Pesqueira.

Nos Esportes, criou o Bolsa Atleta que revelou grandes talentos, o Peladão Alto Astral e muitos outros projetos de sucesso.

Geraldo Julio – Prefeito do Recife

“Recebi com enorme tristeza a notícia do falecimento do ex-deputado Carlos Eduardo Cadoca. Numa história de vida marcada pela defesa da Democracia e por serviços prestados ao Brasil e a Pernambuco, se destaca o seu amor pelo Recife e o empenho com que se dedicou a desenvolver nossa cidade e levar nossas riquezas para todo o mundo. O Recife vai se lembrar de Cadoca por sua alegria e amor incondicional pela cidade. Quero mandar um abraço carinhoso para a nossa companheira Berenice, seus filhos e demais familiares e amigos. Que Deus possa confortar a todos nesse momento de dor.”

Anderson Ferreira – Prefeito do Jaboatão dos Guararapes

“Recebi a notícia do falecimento de Cadoca com muito pesar por tudo que ele representou no cenário político e no Estado, como vereador, deputado e secretário. Presto minha solidariedade a sua família e que Deus conforte a todos neste momento tão triste”, disse o prefeito.

Professor Lupércio – Prefeito de Olinda

“Foi com profunda tristeza que recebi a notícia do falecimento do ex-deputado federal Cadoca. Conhecido pela forte dedicação pelo nosso estado, seja na Câmara Federal, na Assembleia Legislativa ou nas secretarias do Governo de Pernambuco e da Prefeitura do Recife, ele deixa um legado repleto de contribuições para a população. Como companheiro de partido, ele também nos deixa um grande exemplo de um político disposto a trabalhar pelas pessoas. Que Deus conforte todos os familiares e amigos neste momento tão difícil.”

João Campos – Prefeito eleito do Recife

“Cadoca ficará eternamente presente nas boas memórias de nossa cidade. Meus pêsames aos familiares e amigos deste grande homem público”.

Roberto Freire – Presidente nacional do Cidadania

“Perdi um amigo. Carlos Eduardo C da Costa Pereira, o nosso amigo Cadoca, desde os tempos da Faculdade de Direito do Recife e da militância no PCB/MDB nos tempos sombrios da ditadura. Em meu nome é do Cidadania os sentimentos a Berenice, filhos e aos amigos. Cadoca, presente!”

Fernando Bezerra Coelho – Senador

“Com tristeza, recebi a notícia da morte do deputado Carlos Eduardo Cadoca. Pernambuco perde uma grande figura pública, e o Recife perde um dos seus filhos mais apaixonados. Quadro histórico do MDB, Cadoca deixa um legado de muito trabalho pelo estado, principalmente na cultura e no turismo. Nesse momento difícil, deixo aqui a minha solidariedade e os meus sentimentos à família e aos amigos.”

Daniel Coelho – Deputado federal

“É com tristeza que Pernambuco perde Cadoca. Homem público com longos serviços prestados ao nosso estado. Meus sentimentos para toda sua família e amigos.”

Teresa Leitão – Deputada estadual

“Depois de dias lutando contra a COVID, faleceu o ex-deputado federal Cadoca, personalidade muito presente na vida política de Pernambuco. Aos amigos e à família apresento minhas sinceras condolências.” (Fonte: Diario de PE)