asdasdasdasd

Naiara Azevedo diz que 'não roubou música' e se defende em acusação de plagiar pagodeiros

por Milena Pacheco 10 de Outubro de 2019 às 10:06
categoria: Música

A cantora Naiara Azevedo, 29, foi a público se defender de acusações recebidas de que teria plagiado a música "Manda Áudio" que foi lançada anteriormente pelo grupo de pagode Di Propósito. A banda lançou a versão dela no YouTube no dia 8 de agosto. Até esse ponto, tudo bem. Acontece que eles alegam que a cantora sertaneja colocou os mesmos arranjos na versão dela sem autorização prévia.

"Por que não fomos convidados? Não tínhamos noção de onde nosso som está chegando e que está agradando tanto as pessoas. Inclusive, regravando com o mesmo arranjo, né? Criatividade. Teria mais a ver se tivesse nos convidado, né Naiara?", publicou o grupo ao reproduzir trechos do vídeo divulgado por Naiara no qual embala a canção com Dilsinho.

A composição é de autoria de Cláusio Dutra, Bruno Mandioca e João Matheus, e os arranjos dos produtores musicais Boris e Jota Moraes.

Pelo Instagram, Naiara Azevedo deu a sua versão do caso e disse que não "roubou" a musica de ninguém. A artista revela que não conhecia a versão dos pagodeiros e que comprou todos os direitos para poder gravar a música.

"Paguei a música e todos os direitos dela. Então primeira parte da polêmica esclarecida. Não roubei a música de ninguém", disse. "A música não foi lançada. E a produção dela também não é do grupo de pagode. É de um produtor maravilhoso que é o Boris", emendou a artista, que inclusive elogiou o Di Propósito e até os marcou em sua publicação para que possam conversar.

"Vocês sabem muito bem que não existe nada de irregular. Vocês foram um pouco afoitos, porque a música não foi lançada, não existe nada de irregular", finalizou. A tendência é que a canção seja lançada por ela ate o final do mês de outubro. (Fonte: Diário de Pernambuco/Viver/Foto Perfil Instagram @naiaraazevedo)

 

 

 


Após recaída, turnê de Xexéu pela Europa é cancelada

por Milena Pacheco 4 de Outubro de 2019 às 09:59
categoria: Música

Segundo o empresário, cantor ficou desaparecido por quatro dias antes de ser localizado na última terça-feira (1º)

A turnê que Xexéu, ex-Timbalada, faria pela Europa entre os dias 16 e 20 de outubro foi cancelada após o artista dar entrada em uma clínica de reabilitação na última quarta-feira (2).

“Há dois meses estava sem falar com o Xexéu porque a agenda de shows só começaria a ser movimentada mais perto do fim do ano. A turnê pela Europa não tinha vingado”, contou.

Segundo o empresário, Xexéu ficou desaparecido por quatro dias antes de ser localizado na última terça-feira (1º), após a viralização de um vídeo, e encaminhado para um centro de reabilitação.

O representante do artista ainda revelou ter ficado triste com a repercussão do vídeo e diz acreditar na recuperação de Xexéu. “Nesta semana, eu recebi o vídeo e fiquei chateado. Ele sempre foi um cara muito profissional. Infelizmente, ele teve uma recaída, mas ele não é usuário recorrente. Ele também toma remédios controlados para dormir”.

Vianey afirma que o cantor tem quatro shows agendados, entre novembro e dezembro, na Finlândia, Suíça e Itália. (Fonte: bahia.ba/Foto: Perfil Instagram @xexeu_oficial)


Ivete Sangalo surpreende ao abrir show tocando bateria no Rock in Rio

por Milena Pacheco 30 de Setembro de 2019 às 09:56
categoria: Música

Cantora foi a primeira atração do Palco Mundo na noite deste domingo (29)

Ivete Sangalo está radiante com a apresentação no Palco Mundo do Rock in Rio neste domingo (29). A cantora, que já se apresentou em edições do Rock in Rio Madri, Lisboa e Las Vegas, surpreendeu ao iniciar o show tocando bateria. A música escolhida para abrir o show foi Minha Pequena Eva.

"Invento umas coisas que só por Deus. A gente tem que dar um gostinho diferente a cada apresentação. Era um sonho de criança cantar no Rock in Rio. É um show bem carnavalesco, que é a minha pegada, bem colorido. Adoro cantar aqui", afirmou ela, contando que desde a primeira edição do festival, tinha o desejo de participar do evento. "Aos 15 anos, assisti falei que queria estar no Rock in Rio. Meu pai falou para eu ir estudar", lembrou ela. "Eu tinha prova (risos). Eu falei pra ele que um dia ia estar no Rock in Rio, mas nunca imaginei que deste jeito", completou.

A cantora também afirmou estar feliz com a vida pessoal. "Faço a linda aqui, chego em casa e cuido dos filhos. O amor é um combustível maravilhoso."

"Queria agradecer a vocês, isso é um combustível inesgotável. Muito obrigada! Eu fico tão  feliz de subir neste palco tantas vezes, com esses artistas...Quero dedicar esse show aos meus filhos. Marcelo, Helena e Marina, minhas três paixões, e ao papai deles que é um gostoso", disse Ivete.

FUNK NO ROCK IN RIO

Além dos principais hits da carreira, Ivete colocou no setlist um medley de funk, incluido Onda Diferente, de Anitta e Ludmilla, Cerol na Mão, da grupo Bonde do Tigrão, e Adultério, de Mr. Catra. "Quero mandar um beijo para todos os meus parceiros do funk", afirmou.

Emocionada, Ludmilla agradeceu a homenagem de Ivete nas redes sociais. "A rainha Ivete Sangalo e o Rock in Rio inteiro cantando uma música que saiu da minha mente. Eu não tenho palavras pra descrever esse momento, obrigada, meu Deus. Te amo, Ivete. Hit!", escreveu Ludmilla. (Fonte: revistaquem/Foto/Reprodução Vídeo Perfil @multishow)


Tiago Iorc e Anitta são indicados ao Grammy Latino

por Milena Pacheco 25 de Setembro de 2019 às 09:14
categoria: Música

Além das categorias globais, o Grammy Latino premia artistas da língua portuguesa por categoria exclusiva, os baianos Pitty e BaianaSystem são alguns dos indicados

Os cantores Tiago Iorc e Anitta são os representantes brasileiros nas categorias que envolvem todas as línguas no Grammy Latino. Os indicados foram anunciados nesta terça-feira (24) nas redes sociais da premiação.

Foto: Multishow

Iorc levou a indicação pela música Desconstrução na categoria ‘Canção do Ano’, já Anitta concorre ao prêmio de “Melhor Álbum de Música Urban” com Kisses.

Além das categorias globais, o Grammy Latino premia artistas de acordo com a língua local, e nesta categoria o Brasil marca um gol de placa com diversos indicados.

Os baianos Pitty e BaianaSystem concorrem ao prêmio de “Melhor Álbum de Rock ou de Música Alternativa em Língua Portuguesa” com os álbuns Matriz e O Futuro Não Demora. Liniker e Os Caramelows, Chal e The Baggios também estão na categoria.

Priscilla Alcântara, ex-Bom Dia & Cia, recebeu a indicação pelo álbum de ‘Melhor Álbum de Música Cristã (Língua Portuguesa)’, com o disco Gente. Ainda tem ANAVITÓRIA, Paula Fernandes, Marília Mendonça, Mano Walter, Luan Santana, Mart’nália, Péricles, Crioco, Gilberto Gil, e Zélia Duncan entre os indicados.

E o trio As Bahias e A Cozinha Mineira, faz história nesta edição do Grammy Latino, com as vocalistas Assucena Assucena, Raquel Virgínia sendo as primeiras trans indicadas a premiação. O grupo concorre na categoria “Melhor Álbum de Pop Contemporâneo em Língua Portuguesa” com o disco Tarântula. (Fonte: Bahia.ba/Foto: Multishow)


Gusttavo Lima desbanca Safadão, Marília e Luan e tem cachê mais alto do sertanejo

por Milena Pacheco 23 de Setembro de 2019 às 09:48
categoria: Música

Em alta pelo Brasil, o cantor Gusttavo Lima também valorizou seu cachê nos últimos meses. De acordo com informações da colunista Fábia Oliveira, o sertanejo está liderando o ranking dos cachês mais caros do Brasil, considerando o seu seguimento musical. Para ter a presença o artista em um evento, a média está saindo por R$ 700 mil.

Ainda de acordo com a nota, para contratar a festa Buteco do Gusttavo Lima deve-se desembolsar R$ 800 mil. Luan Santana aparece em segundo lugar cobrando R$ 320 mil. 

Seguindo a lista, Wesley Safadão, Marília Mendonça e a dupla Zé Neto e Cristiano faturam cerca de R$ 300 mil por show. Mas vale lembrar que essas cifras mudam com o decorrer de diversos fatores, como movimento do mercado e a valorização ou desvalorização do artista. Historicamente, o cachê mais alto do Brasil é de Roberto Carlos, que cobra cerca de R$ 1 milhão para sair de casa. (Fonte: Bahia Notícias/Holofotes/Foto: Perfil Instagram @gusttavolima)


Problema de saúde faz Safadão cancelar show e agenda profissional

por Milena Pacheco 19 de Setembro de 2019 às 15:00
categoria: Música

O artista, que recebe cuidados médicos em casa, se disponibilizou a realizar a apresentação em uma outra data

Afastado dos palcos e dos compromissos profissionais devido a um problema de saúde, Wesley Safadão usou as redes sociais para dar uma satisfação aos seus admiradores.

Foto do perfil de wesleysafadao @wesleysafadao

O cantor precisou cancelar o show que faria em Bom Jardim, no Maranhão, na última quarta-feira (18), por conta de uma febre alta.

“Oi, pessoal, vim dar uma satisfação aqui pra cidade de Bom Jardim, no Maranhão, onde seria nosso show hoje. Já são duas noites de febre alta, e hoje até 3, 4 da tarde, eu estava me queimando em febre. Neste momento, graças a Deus, estou sem febre, mas suando bastante. Sei o quanto é complicado, o quanto é chato cancelar show, o quanto causa de transtorno na cidade”, contou.

Em seu perfil no Instagram, o forrozeiro mostrou que esta recebendo cuidados profissionais em sua casa, onde montou um ambulatório. Safadão ainda lamentou ter conseguido comparecer a uma gravação por conta da doença.

“Já são duas noites já tendo febre. Hoje tinha gravação, meninos vieram de São Paulo pra gravar e não consegui ir lá gravar com eles. Pedi desculpas também por não ter conseguido realizar esse compromisso. Dei improvisada aqui no quarto pra tomar soro. Desde 18h, estou na segunda bolsa de soro aqui. Consegui realizar a primeira refeição agora: um arrozinho com frango”.

Para compensar o desfalque da quarta-feira (18), o artista se disponibilizou a realizar o show na cidade de Bom Jardim na sexta-feira (20).

“Se Deus quiser, hoje terei uma noite mais tranquila e, a partir de amanhã (19), seguir com compromissos e agendas. Me deixo à disposição aqui pra realizar o show, que seria hoje (18), na sexta-feira (20). E amanhã cedo, assim que acordar, dói mais notícias por aqui. Um abraço”. (Fonte: Bahia.ba)


'Nem tudo na vida é trabalho, é dinheiro', diz Gusttavo Lima ao anunciar pausa

por Milena Pacheco 26 de Agosto de 2019 às 13:00
categoria: Música

O cantor Gusttavo Lima anunciou que fará uma pausa na carreira em 2020 para dedicar atenção exclusiva para a esposa, a modelo Andressa Suíta, e os dois filhos.

Foto: Perfil de gusttavolima/Reprodução Instagram @gusttavolima

Gusttavo encerrou shows no palco Arena da Festa do Peão de Barretos, no interior de São Paulo, na manhã de domingo, 25. Durante a apresentação, ele falou sobre a morte da mãe, há quatro anos. "Eu tive a maior perda da minha vida: a perda da minha mãe, dona Sebastiana Maria de Lima, em 2015. Eu venho tentando superar isso a cada dia e é por isso que quem tem mãe e pai - é um pedido de filho -, valorize seu pai e sua mãe", aconselhou aos fãs.

Gusttavo Lima tem cumprido uma agenda de shows lotada, com aproximadamente 30 por mês. Diante da intensidade da carreira, o cantor avisou. "A partir de 2020, eu vou dar uma parada na minha agenda, uma reduzida no número de shows. Vou fazer 10, 12 shows por mês para dar mais atenção para o que mais significa na minha vida. 

Meus filhos já estão com um e dois anos. Nem tudo na vida é trabalho, é dinheiro. Chegou a hora de dar uma acalmada", desabafou. 

No perfil oficial no Instagram, o cantor sempre publica momentos em família com a esposa e filhos. (Fonte: Diariodepernambuco/viver/Foto: Perfil de gusttavolima/Reprodução Instagram @gusttavolima)


Um mês após alta, João Gordo volta para a UTI com pneumonia grave

por Milena Pacheco 12 de Agosto de 2019 às 09:38
categoria: Música

Informação foi confirmada pela banda de João Gordo, Ratos de Porão, através de uma nota nas redes sociais

Cerca de um mês após ter alta médica de um quadro de pneumonia , o cantor e apresentador de TV João Gordo voltou a ser internado em São Paulo pelo mesmo problema. Ele encontra-se na unidade de tratamento intensivo (UTI) do Hospital São Camilo, em São Paulo, com pneumonia grave.

 

A informação foi confirmada pela banda de João Gordo, Ratos de Porão, através de uma nota nas redes sociais. O grupo de hardcore anunciou ainda que os shows marcados até o fim de 2019 estão cancelados, inclusive a turnê europeia que se avizinhava.

As únicas apresentações mantidas são as mais próximas três, em Ourinhos (neste sábado), Goiânia (domingo) e Fortaleza (dia 17), que contarão com o guitarrista Jão assumindo os vocais.

Ainda segundo a nota, "João Gordo agradece o carinho e compreensão, pois logo estará recuperado e dando o seu melhor".

João Gordo, de 55 anos, passou uma semana no hospital em junho com quadro de pneumonia. Ele também apresentou alteração na glicemia.

Na ocasião, Vivi Torrico, companheira do artista, publicou: "Finalmente JG teve alta! Ainda tem um período de recuperação e cuidados, exames e retornos médicos, mas está tudo bem. Gratíssimos pelas good vibes, mensagens, enfermeiros, médicos e suporte de nossos amigos! Todo nosso amor para vocês".

Em março, João Gordo deu entrevista ao GLOBO, quando falou sobre os 30 anos do disco "Brasil", um clássico do Ratos de Porão. (Fonte: Ibahia)


Com seis anos de hiato no lançamento de álbum, o retorno de Marcelo Jeneci

por Milena Pacheco 7 de Agosto de 2019 às 09:39
categoria: Música

Um homem sentando na areia em volta de algumas pedras e com uma cumbuca na cabeça foi a imagem escolhida para ilustrar a capa do novo álbum de Marcelo Jeneci, Guaia. A escolha é um forte símbolo das origens do compositor e combina perfeitamente com o tom do novo trabalho, perpassado de lirismo. Com Mana Bernardes assinando a capa do CD, produção por Pedro Bernardes, além de Jeneci e Lux Ferreira como os coprodutores, o disco marca a volta do cantor, após seis anos sem lançar álbuns.

 

 

Com De Graça (2013), último lançamento antes de Guaia, o músico foi indicado ao Grammy Latino na categoria Melhor Álbum de Música Popular Brasileira e emplacou sucessos com os hits Nada a ver, Julieta, O melhor da vida e Um de nós. Agora, com Guaia, ele volta com o assunto do qual fala com mais propriedade: a própria vida. Transmite, pela música, as vivências divididas entre São Paulo e Pernambuco, além da necessidade de prestar atenção ao redor e à Terra. “Trago na alquimia desse álbum a rua onde cresci, o agreste de Pernambuco e a grande metrópole, que se fundiram em mim”, conta Marcelo Jeneci.

Em Guaia, o artista segue explorando a multiplicidade de instrumentos e reverbera o lado músico do cantor e compositor. Em meio ao piano, à sanfona, e ao violão, ele explora os instrumentos para enfatizar as emoções do outro lado da linha, o ouvinte. “Eu sinto que a busca pela canção que, para muitos, se resume a melodia e letra, para mim, ela vai tridimensionalmente para todos os elementos que compõem o fonograma. Essa multiplicidade sonora é bem escolhida para ampliar alguns elementos que a letra já traz”, pontua o cantor e compositor.

Experiência

As participações ficaram restritas a uma única voz, a de Maya. Com apenas 19 anos, a cantora é dona de uma voz doce e extremamente bonita. Marcelo e Maia dividem a faixa Vem vem, que nada mais é, segundo Jeneci, que a sedução tropical com consciência do território do outro. Sobre a experiência, o cantor conta: “Conheci Maya no estúdio, ela estava lançando uma música, eu adorei. Achei-a de uma potência, ela é incrível canta de um jeito muito gigante e especial. É uma voz do Brasil”.

No atual momento político e social, o compositor reforça a importância das comunidades indígenas para a preservação ambiental e territorial na faixa inicial do álbum, intitulada Emergencial. Embalada pelo canto de uma integrante da tribo Iauanauá, logo após é enfatizada a questão com o trecho: “É emergencial a gente se conectar com a terra”, a frase é frequentemente falada por Mana Bernardes, par do cantor. “A questão indígena é uma questão do planeta, planetária, os índios são os guardiões do mundo e a gente precisa falar disso”, afirma Jeneci.

O Nordeste também é temática, aliás foi em Pernambuco que Marcelo Jeneci passou boa parte da vida. “São fragmentos e arquétipos que compõem a pessoa que eu sou. Eu sou um tanto do agreste de Pernambuco, porque eu fui criado lá”, conta. Estas partículas são evidências em Oxente, música composta com Chico César, que envolta pela sanfona, passeia pelo baião.

Para a produção do disco, Marcelo Jeneci ficou cerca de um ano trabalhando no disco. Sempre junto dos parceiros Pedro Bernardes e Lux Ferreira, com quem o cantor pretende trabalhar mais algumas vezes. “Eu entrei no território de entrega máxima e isso passou a me dominar, não tinha espaço para distração. A inspiração é todo o momento presente, é dos encontros, das relações com as pessoas que trabalharam no disco, na alquimia das relações e dos sons”, relembra Jeneci. (Fonte: diariodepernambuco/viver/Foto: Reprodução/Facebook)


Tiago Iorc anuncia 1ª turnê após passar mais de um ano 'sumido'

por Milena Pacheco 5 de Agosto de 2019 às 10:02
categoria: Música

O cantor Tiago Iorc, 33, anunciou na noite deste domingo (4) que dará início a uma turnê em outubro para divulgar seu show no Acústico MTV, gravado por ele em 30 de maio deste ano.

 

 

Essa será a primeira turnê realizada pelo cantor após seu ano sabático - Iorc passou o ano de 2018 "sumido" do cenário musical, e retornou com um disco surpresa em maio, que trouxe 13 faixas acompanhadas de clipe.

Através de seu perfil no Instagram, Iorc confirmou que iniciará a sequência de shows em Salvador, no dia 20 de outubro, e encerrará no Rio de Janeiro, nos dias 29 e 30 de novembro.

Entre essas datas, ele se apresenta por mais 12 cidades: Aracajú (21/10), João Pessoa (23/10), Fortaleza (25/10), Recife (27/10), Porto Alegre (2/11), Curitiba (3/11), Ribeirão Preto (5/11), Jundiaí (6/11), São Paulo (8/11), Goiânia (20/11), Brasília (21/11), Belo Horizonte (23/11). A região Norte foi a única não contemplada. Os ingressos para a turnê estarão à venda a partir do dia 6 de agosto. (Fonte: diariodepernambuco/viver)