asdasdasdasd

Ronnie Lessa, preso pela morte de Marielle Franco, é indiciado por tráfico internacional de armas

por Redação Nossa Voz 13 de Julho de 2020 às 10:52
categoria: Policial

A Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (Desarme) indiciou por tráfico internacional de armas o PM reformado Ronnie Lessa -- preso e acusado pelos homicídios de Marielle Franco e seu motorista Anderson Gomes.

Segundo o delegado Marcus Amim, titular da delegacia, Ronnie traficava armas dos Estados Unidos desde 2014 com a ajuda da filha. Mohana Figueiredo morava nos EUA e também foi indiciada.

"Até pouco tempo antes de ser preso, ele estava praticando essa atividade", explicou Amim.

Com a apreensão de telefones celulares no dia da prisão de Lessa, a Delegacia de Homicídios (DH) e Ministério Público começaram a analisar conversas e arquivos. Os relatórios foram enviados para a Desarme, que instaurou um novo inquérito para apurar o tráfico internacional de armas.

De acordo com os investigadores, peças e acessórios eram adquiridos em sites de venda de armas e em países como China, Nova Zelândia e Estados Unidos. De lá, eram mandados para o Rio de Janeiro.

Diálogos no WhatsApp

Uma conversa de 13 de agosto de 2018, pelo Whastapp, chamou a atenção dos analistas. No trecho, Mohana envia ao pai a foto de uma peça de fuzil.

Na troca de mensagens, a Desarme encontrou ainda uma orientação de Lessa à filha. “Escreve ‘metal parts’ [peças de metal]”. A polícia acredita que essa descrição do que estava sendo mandado para o Brasil era uma forma de burlar a fiscalização.

Fonte G1

Imagem Reprodução/JN


Petrobras suspende oferta de gasolina de aviação importada após suspeita de adulteração

por Redação Nossa Voz 13 de Julho de 2020 às 10:43
categoria: Nacional

A Petrobras decidiu interromper "preventivamente" o fornecimento de um lote de gasolina de aviação importada após testes realizados em seu centro de pesquisas, o que impactou também a BR Distribuidora e fez a empresa suspender temporariamente a comercialização do produto.

Em comunicado no sábado (11), a Petrobras disse ter identificado um lote do produto com "teor de compostos aromáticos diferente dos lotes até então importados", embora dentro dos requisitos de qualidade exigidos pela reguladora ANP.

Na semana passada, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e a Agência Nacional de Petróleo (ANP) informaram que investigam uma suspeita de adulteração de gasolina de aviação distribuída no Brasil. O combustível pode ter causado danos e corrosões em tanques de combustível e em peças de pequenas aeronaves, além de vazamentos.

A Petrobras informou que estuda a hipótese da variação da composição química "ter impactado os materiais de vedação e revestimento de tanques de combustíveis de aeronaves de pequeno porte", mas ressalvou que ainda não há diagnóstico completo que permita assegurar essa relação de causa e efeito, segundo a Reuters.

Nesta segunda-feira, a BR Distribuidora disse que suspendeu a comercialização de gasolina de aviação porque tem a Petrobras como única fornecedora.

Fonte G1

Imagem Divulgação


Brasil registrou mais de 27 mil acidentes envolvendo o trabalho infantil nos últimos 13 anos

por Redação Nossa Voz 13 de Julho de 2020 às 10:37
categoria: Direitos Humanos

No último dia 12 de junho, data em que se lembra o combate mundial ao trabalho infantil, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) alertou sobre os riscos de aumento do trabalho de crianças e adolescentes durante a pandemia do novo coronavírus. O problema, no entanto, é antigo e mais triste do que muitos imaginam. O trabalho infantil é uma forma de violência e gera um sem número de acidentes que deixam marcas para sempre em meninos e meninas de todo o país.

Segundo dados do IBGE de 2016, 2,4 milhões de crianças e adolescentes de 5 a 17 anos estavam em situação de trabalho infantil no Brasil. Destes, 1,7 milhão exerciam também afazeres domésticos de forma concomitante ao trabalho ou estudo. De acordo com dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), no período entre 2007 a 2019 foram registrados 27.971 acidentes de trabalho com crianças e adolescentes no país.

Segundo dados do IBGE de 2016, 2,4 milhões de crianças e adolescentes de 5 a 17 anos estavam em situação de trabalho infantil no Brasil. Destes, 1,7 milhão exerciam também afazeres domésticos de forma concomitante ao trabalho ou estudo. De acordo com dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), no período entre 2007 a 2019 foram registrados 27.971 acidentes de trabalho com crianças e adolescentes no país.

Fazendo o recorte de acordo com a faixa etária, verificou-se que o maior número de acidentes de trabalho envolvendo este grupo ocorreu em jovens de 14 a 17 anos (96,95%). Tanto na faixa etária de 5 a 13 anos de idade, quanto na de 14 a 17 anos, os maiores percentuais foram encontrados para crianças e adolescentes do sexo masculino, com 725 (85,0%) casos e 22.159 (81,7%), respectivamente. Quanto à variável raça/cor, observou-se os maiores percentuais de pardos (45,0%) e brancos (30,7%) na faixa etária de 5 a 13 anos e de brancos (44,3%) e pardos (25,6%) na de 14 a 17 anos.

Fonte Agência do Rádio

Imagem Divulgação


Surto de sarampo preocupa gestores de saúde

por Redação Nossa Voz 13 de Julho de 2020 às 10:34
categoria: Saúde

No momento em que gestores de saúde e governantes de todo o país somam esforços para combater a pandemia da Covid-19, as cinco regiões do país sofrem um surto de sarampo. Segundo o boletim epidemiológico do Ministério da Saúde, entre 29 de dezembro do ano passado e 20 de junho deste ano, foram confirmados 4.958 casos da doença em 20 estados brasileiros, além do Distrito Federal.

Os estados do Pará, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná e Santa Catarina concentram 96,8% de todos os diagnósticos de sarampo no Brasil, com 4.804 casos confirmados. De acordo com o Ministério da Saúde, o Pará lidera o ranking de registros (2.618) e de óbitos (3). A Secretaria de Saúde do estado (Sespa) confirma um número ainda maior de casos, com 3.759 registros. 

De acordo com a pasta, os jovens paraenses com idade entre 20 e 29 anos de idade são os mais atingidos pela doença e os municípios com a maior concentração de casos de sarampo são: Belém (1.233), Ananindeua (418), Breves (244), Abaetetuba (217) e Marabá (183).

Segundo Sâmia Borges, diretora de epidemiologia da Sespa, há estoque suficiente de vacinas contra o sarampo no estado, mas a procura é muito baixa, especialmente durante a pandemia da Covid-19. No Pará, a cobertura vacinal, neste ano, atingiu apenas 7% da meta. “A baixa procura pela imunização vem causando a baixa cobertura [vacinal]. O estado destina as vacinas aos municípios, mas a procura pela mesma está pequena”, afirma a superintendente. 

Segundo o Ministério da Saúde, existem três vacinas que protegem contra o sarampo. Entre elas está a tríplice viral que é aplicada em duas doses. Além do sarampo, vacina protege contra a caxumba e rubéola.  Entre os sintomas da doença estão febre acompanhada de tosse, irritação nos olhos e mal-estar constante. A transmissão pode ocorrer entre 4 dias antes e 4 dias depois do aparecimento de manchas vermelhas pelo corpo. 

Fonte Agência do Rádio

Imagem Marcelo Camargo/Agência Brasil


Saque emergencial: Caixa credita FGTS para nascidos em março

por Redação Nossa Voz 13 de Julho de 2020 às 10:18
categoria: Economia

A Caixa credita hoje (13) saque emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para trabalhadores nascidos em março.

O novo saque tem como objetivo enfrentar o estado de calamidade pública em razão da pandemia de covid-19. No total, serão liberados, de acordo com todo o calendário, mais de R$ 37,8 bilhões para aproximadamente 60 milhões de trabalhadores.

O pagamento do saque emergencial será realizado por meio de crédito na Conta Poupança Social Digital, aberta automaticamente pela Caixa em nome dos trabalhadores. O valor do saque emergencial é de até R$ 1.045, considerando a soma dos saldos de todas as contas ativas ou inativas com saldo no FGTS.

Para sacar os recursos, o trabalhadores nascidos em março terão que esperar até o dia 22 de agosto.

O crédito dos recursos na poupança social começou no dia 29 de junho para trabalhadores nascidos em janeiro. Nesse caso, o saque será liberado no próximo dia 25.

Caso não haja movimentação na conta digital até 30 de novembro deste ano, o valor será devolvido à conta do FGTS com a devida remuneração do período, sem prejuízo para o trabalhador. Se após esse prazo, o trabalhador decidir fazer o saque emergencial, poderá solicitar pelo Aplicativo FGTS até 31 de dezembro de 2020.

Fonte Agência Brasil

Imagem Marcelo Casal/Agência Brasil


Perfil Social 10 de julho de 2020

por Nélia Lino 10 de Julho de 2020 às 15:51
categoria: Perfil

A remansense, Claudia Alves, é uma das participantes do programa Marter Chef da rede Bandeirantes que estréia nova temporada nessa terça-feira 14/07, ás 22h45. Nessa temporada serão 08 participantes a cada episódio, saindo um vencedor que recebe o troféu e prêmios. Nossa torcida para a Chef Claudia, nossa representante Vale do São Francisco. #teamclaudinha #teamclaudinhaba (Divulgação)

 

 

Parabéns e chuva de bénçãos para D. Nair, mãe do colunista social Roni Figueiredo que completou 70 anos. A comemoração foi em família devido ao isolamento social, mas não faltou alegria carinho. (Divulgação)

 

 

Os colaboradores SICREDI Pernambucred Petrolina estiveram no Cantinho do Aconchego fazendo entrega das doações arrecadadas na 6ª Gincana da Solidariedade do Dia C - Dia de Cooperar, foram 50 cestas básicas além kits de material de limpeza. (Divulgação)

 

 

Liberte-se para florescer, esse é o tema do Congresso para Mulheres que será realizado por Isabel Passos, Terapeuta de Família e Casal, Terapeuta sexual sistêmica, Palestrante Internacional. O evento será online de 20 a 23 deste mês e as informações estão no instagram da terapeuta @isabelpassos_ca. (Divlgação)

 

 

Chef Ugo César + Grande Rio FM = Gran Gourmet, serão 04 lives nos domingos do mês de agosto sob o comando do Chefe que recebe convidados e atrações musicais nacionais e regionais, tudo isso através do canal da Grande Rio FM no Youtub. (Divulgação)

 

 

Parabéns ao corpo diretivo e docentes do Colégio Plenus Petrolina que pelo 7º ano conquistou o 1º lugar no Exame Nacional do Ensino Médio, ENEM 2019 e foi alvo de reconhecimento com uma Moção de Aplausos, aprovada por unanimidade pela Câmara de Vereadores de Petrolina. O Plenus comemora também a indicação como melhor escola do interior de do estado, está entre as 15 melhores de Pernambuco e no Top 1000 do Brasil. Na foto a Denise Martorelli, vice-diretora e Marcos Freire, Gerente de Marketing. (Clas Comunicação)


Ministério do Meio Ambiente cria programa que valoriza quem preserva florestas nativas do país

por Redação Nossa Voz 10 de Julho de 2020 às 15:43
categoria: Meio Ambiente

Preservar a Amazônia pode valer prêmios em dinheiro. Essa é a ideia do Programa Nacional de Pagamentos por Serviços Ambientais, o Floresta +. O programa foi lançado pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA) e vai destinar R$ 500 milhões para que iniciativas cuidem das áreas de preservação permanente da Amazônia Legal.

Tanto pessoas físicas quanto jurídicas, além de grupos familiares ou comunitários podem participar do programa com atividades de serviços ambientais realizadas em áreas mantidas com cobertura de vegetação nativa ou sujeitas à recuperação, sejam elas privadas, de preservação permanente e de uso restrito, além de assentamentos, terras indígenas ou unidades de conservação, desde que tenham atividades que protejam ou reservem recursos da natureza.

Atualmente o Brasil conta com mais de 560 milhões de hectares de floresta nativa que podem se enquadrar no Programa Nacional de Pagamentos por Serviços Ambientais e que necessitam de cuidados para serem preservadas. Para se ter uma ideia da proporção, isso é maior que todos os países da União Europeia.

Os impactos positivos dessa ajuda serão sentidos por todos. Isso porque dentre os benefícios do programa estão a conservação da biodiversidade, a proteção da água e do solo. além da regulação do clima.

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, ressalta que o Floresta+ é o maior programa de pagamento por serviços ambientais no mundo.  “Remunerar aquela pessoa que preserva, que cuida da reserva legal, que tem excedente de reserva legal, que cuida das áreas de preservação permanente", destaca o ministro.

Com informações da Agência do Rádio

Imagem Divulgação


Covid-19: 60% das pessoas que tiveram a doença no Brasil estão recuperadas

por Redação Nossa Voz 10 de Julho de 2020 às 15:35
categoria: Coronavírus

O boletim epidemiológico do Ministério da Saúde desta quinta-feira (9) apontou que aproximadamente 60% das pessoas que tiveram a Covid-19 estão recuperadas. O total de infectados no Brasil é de 1.755.779, sendo mais de 42 mil casos notificados no período de 24 horas. Desde o início da pandemia, pouco mais de 69 mil pessoas faleceram em decorrência da infecção causada pelo coronavírus.

Tocantins, Mato Grosso do Sul e Acre são os três estados menos afetados pela pandemia até então. Nas três primeiras posições de locais com maior incidência da Covid-19, estão São Paulo, Ceará e Rio de Janeiro. Segundo o Ministério da Saúde, quatro mil mortes ainda são investigadas e 632 mil casos estão sendo acompanhados.

Com informações da Agência do Rádio

Imagem Reprodução


Auxílio Emergencial: Caixa antecipa saque do terceiro lote

por Redação Nossa Voz 10 de Julho de 2020 às 15:27
categoria: Economia

A Caixa Econômica Federal antecipou o calendário de saque em dinheiro aos beneficiários com direito a receber a primeira parcela do auxílio emergencial por terem sido aprovados no início do mês de junho. Essas pessoas teriam originalmente a liberação do saque em espécie no dia18 de julho.

Os beneficiários nascidos entre julho e setembro poderão sacar a partir da próxima segunda-feira (13). Já os nascidos entre outubro e dezembro poderão sacar de terça-feira (14) em diante. Beneficiários nascidos em junho permanecem com a data de saque marcada para este sábado (11). E hoje (10), o saque é para os nascidos em maio. Na segunda-feira (13), seria a vez somente dos nascidos em julho, mas a antecipação incluiu os nascidos em agosto e também em setembro.

Nos dias 16 e 17 de junho, os valores de R$ 600 e R$ 1.200 (no caso das mães solteiras) já haviam sido depositados para esse público na conta poupança social digital da Caixa, de acordo com a data de aniversário do beneficiário.

O calendário de saque em dinheiro teve início no dia 6 de julho, também de forma escalonada pelo mês de nascimento. Contudo, a previsão inicial era que se estendesse até o dia 18 de julho, quando os nascidos em dezembro poderão sacar.

Nas datas disponíveis para sacar o auxílio em espécie, havendo eventual saldo existente, o valor será transferido automaticamente para a conta que o beneficiário indicou, sendo poupança da Caixa ou conta em outra instituição bancária.

Com informações da Agência Brasil

Imagem Reprodução


MP aprovada na Câmara flexibiliza calendário escolar

por Redação Nossa Voz 9 de Julho de 2020 às 18:16
categoria: Educação

A Câmara dos Deputados concluiu nesta terça-feira (7), a votação da Medida Provisória (MP) 934/20 que permite às escolas e faculdades não cumprirem a quantidade mínima de dias letivos este ano, devido à pandemia da Covid-19. Os deputados rejeitaram todos os destaques apresentados na sessão que queriam modificar o texto-base da relatora, a deputada Luisa Canziani (PTB-PR), aprovado na última semana.

De acordo com o projeto de lei de conversão, os estabelecimentos de ensino da Educação Básica — composta pelos ensinos Fundamental e Médio — não vão ser obrigados a cumprir os 200 dias letivos. No entanto, deverão cumprir a carga horária mínima de 800 horas. Para as creches e pré-escolas, o texto-base permite que os estabelecimentos não cumpram ambas as normas.

O texto estabelece que as instituições de ensino superior, por sua vez, estão dispensadas de observar o mínimo de dias letivos, mas devem manter a carga horária prevista na grade curricular de cada curso. Em entrevista ao Brasil 61, a deputada Luisa Canziani, disse que o texto aprovado foi construído a partir da articulação entre os parlamentares, o Conselho Nacional de Educação (CNE) e entidades representativas do setor.

“Várias lideranças educacionais construíram esse texto conosco. Na nossa visão, ele contempla, inclusive, as especificidades de cada etapa de ensino e, também, levando em consideração dois grandes desafios que nós temos na educação brasileira: a aprendizagem e a desigualdade educacional, ainda mais nesse momento de suspensão das aulas”, destacou.

Fonte: Agência do Rádio

Imagem: Agência Brasil